Buscar
  • Manta de Aramida

Busca por blindagem de veículos no Rio cresce 12%

Todos já sabemos que a violência é um problema presente em todos os estados do Brasil, mas reportagens diárias sobre a violência no Rio de Janeiro são, sem dúvida, assustadoras. A cidade chegou ao cúmulo de registrar também diariamente uma estatística que é vista (mas não registrada) apenas em guerras, que é a quantidade de tiroteios diários. Podemos concordar facilmente tratar-se de uma guerra civil não declarada.


O problema é que nessa guerra entre polícia e bandidos e bandidos contra bandidos, quem mais acaba sofrendo as consequências, geralmente com a perda da vida, é o cidadão “comum”, o trabalhador que precisa se deslocar para o trabalho, ou os motoristas que passam os dias apavorados trabalhando sem saber se conseguirão voltar para casa, ou seja, a população em geral que precisa cumprir com deveres do dia a dia.


Como a ordem é se proteger, uma das opções é o uso de veículos particulares blindados, que somente na capital já chegou a 13 mil e esse número só continua crescendo mesmo com o alto custo da burocracia. Números são do Serviço de Fiscalização de Produtos Controlados da primeira Região Militar (SFPC/1), responsável pela fiscalização do Estado do Rio, informam que apenas no último mês de julho o aumento na quantidade de blindados chegou a 12% em comparação ao mesmo período do ano anterior.


Um médico que vive na cidade e que prefere não se identificar, disse: "Com certeza a segurança é maior. Diante da insegurança crescente e das diversas experiências violentas que pessoas à nossa volta têm vivenciado, decidi que faria o possível para reduzir a chance de ser mais uma dessas vítimas. Me sinto um pouco mais seguro em um carro blindado”.


Um outro dado em relação ao aumento está relacionado com a busca em sites da internet que cresceu 21,8%. De acordo com Rodrigo Pereira, gerente de uma blindados: “Tivemos um aumento significativo na procura por blindagem, devido ao aumento da criminalidade e dos roubos de veículos desde 2013. Se compararmos os primeiros cinco meses de 2017 com o mesmo período de 2016, o aumento foi de 16%, e a perspectiva é de chegar 20% até o fim do ano”.


Um dos mais conhecidos sites de vendas de produtos usados de todos os tipos, OLX, informou que o termo “blindado” aparece entre os 100 mais buscados e com 60 mil pesquisas realizadas no primeiro semestre de 2017.


Ainda de acordo com Rodrigo, o nível de blindagem mais procurado é o III, que suporta os calibres 22, 38, 44, 357 e 9mm. "Na blindagem opaca, utilizamos nove camadas de manta confeccionada em fibra de aramida e aço inox. Nas partes transparentes, usamos vidros balísticos curvos. A blindagem suporta desde armas de punho até uma submetralhadora”.

Por fim, quem busca por veículos blindados no Rio não está tão preocupado nem com os valores do serviço que podem varia entre R$50 e R$75 mil, nem com a burocracia em relação as exigências do Exército, a uma taxa de R$500,00 e apresentação de antecedentes criminais. A ordem é se proteger a qualquer custo.


Fonte: G1

0 visualização

Rua Joaquina Teófilo do Espirito Santo, 41 - Galpão A - Cumbica - Guarulhos - SP

Brasil - CEP. 07210-008

Fone (11) 99906-8788 - (11) 2478.8333